O que Mudou na Declaração de Imposto de Renda 2019

Principais Novidades e Mudanças na Declaração de Imposto de Renda para 2019.

1-CPF dos dependentes – Obrigatoriedade de informar o CPF dos dependentes independentemente da idade.

2-CPF dos alimentandos – Obrigatoriedade de informar o CPF dos alimentandos residentes no Brasil independentemente da idade.

3- Doações Diretamente na Declaração – ECA – Alterado o local da funcionalidade de doação ao ECA diretamente na Declaração. Até o exercício 2018, a ficha de “Doações Diretamente na Declaração – ECA” encontrava-se no Resumo da Declaração de Imposto de Renda . No exercício de 2019, está alocada nas “Fichas da Declaração” facilitando a visualização pelo contribuinte.

4- Ficha de “Rendimentos Recebidos de Pessoa Física e do Exterior pelo Titular” – Alterado o título da coluna “Outros” para “Pensão Alimentícia e Outros”, bem como, alterado o título da coluna “Dependentes” para “Quantidade de Dependentes”.

O QUE NÃO MUDOU OU PERMANECEU INALTERADO NA DIRPF 2019

1-DARF – O Programa Gerador da Declaração (PGD) irá permitir a impressão do DARF para pagamento de todas as quotas do imposto, inclusive as em atraso com os devidos acréscimos legais.

2- Impressão da DIRPF/Recibo – Organizado a ordem de impressão dos rendimentos, pagamentos, bens e direitos.

3- Atualização de versão automática – Atualização da versão do aplicativo sem a necessidade de realizar o download no portal da Receita Federal do Brasil (RFB) na internet. Podendo ser atualizada, automaticamente, ao se abrir o PGD IRPF, ou pelo próprio declarante, por meio do menu Ferramentas > Verificar Atualizações.

4- Receitanet – Entrega sem necessidade de instalação do Receitanet devido ter sido incorporado ao PGD IRPF 2019, não ocorrendo assim, sua instalação em separado.

5- Alíquota Efetiva – Calculada pelo programa, a alíquota efetiva refere-se à relação percentual entre o imposto devido e o total de rendimentos tributáveis. O cálculo do IRPF (mensal ou anual) com o valor do imposto devido e a alíquota efetiva pode ser calculado no item Simulação de Alíquota Efetiva (exercício de 2019, ano-calendário de 2018) disponibilizado pela RFB.

6- Recuperação de nomes – O sistema irá armazenar nomes, assim os campos referentes aos nomes serão preenchidos automaticamente conforme o CPF/CNPJ digitado. Entretanto, essa funcionalidade poderá ser desativada no Menu > Ferramentas > Recuperação de Nomes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *